Navigate / search

Conhecer o Canadá é passear entre cores, climas e idiomas.

Já viver no Canadá é uma aventura um pouco diferente. Sai de cena o turista curioso e entra o cidadão que precisa seguir as regras, aprender a conviver com o frio e reaver conceitos sobre privacidade e inclusão. Sim, o Canadá parece quieto em relação ao resto do mundo, mas é um lugar pacífico que sustenta um mix étnico incrível, entre imigrantes e refugiados.  O segundo maior país do mundo recebe anualmente um porcento de toda sua população ( 34,88 milhões de habitantes) em volume de novos moradores legalizados, sendo a maioria chineses e filipinos. Essa mistura de raças e culturas se reflete numa sociedade onde todos convivem pacificamente, sem discriminação ou questionamento sobre diferenças de qualquer tipo.

Com uma extensão de terra enorme, que se estende do Atlântico ao Pacífico, o Canadá é formado por três territórios ( Northwest territories, Nunavut e Yukon ) que possuem certa autonomia governamental ) e dez províncias (Alberta, British Columbia, Manitoba, New Brunswick, Newfoundland & Labrador,  Nova Scotia, Ontario, Prince Edward Island, Quebec e Saskatchewan). O País é uma monarquia constitucional, um Estado federal e uma democracia parlamentar pluralista. Há um chefe de Estado do país, que no caso, é a Rainha Elisabeth II do Reino Unido. Ela  delega seus poderes a seu representante, o Governador-Geral. Também temos o chefe de Governo do Canadá, que é o Primeiro Ministro , cargo hoje ocupado pelo conservador Stephen Harper.

Como na maioria dos lugares, aqui existem Leis para serem cumpridas e as pessoas aprendem desde cedo como elas funcionam – e que realmente funcionam. O índice de criminalidade é muito baixo, o que proporciona pequenos prazeres, como curtir o vento com a janela do carro aberta ( no verão ) e caminhar pelas cidades tranquilamente. Em alguns lugares você pode até esquecer a chave do lado de fora da porta de sua casa. Será muito difícil alguém entrar sem avisar.

A beleza física daqui é diferente e um belo par de olhos castanhos fazem muito sucesso. Canadenses cultuam a saúde e um bom papo, que pode ser em francês ou inglês na maioria dos casos. Cerca de 58% falam somente inglês e 22%  francês, o restante é fluente nos dois idiomas ou numa terceira língua. O estereótipo de magreza não tem vez, até porque para enfrentar temperaturas negativas de quatro a cinco meses no ano, é praticamente impossível lutar contra os depósitos de gordura que vão surgindo. Você precisa deles, assim como os ursos que vivem na região Norte do país. Seja feliz, viva com saúde e o resto que exploda. Afinal de contas, ninguém tem nada a ver com a sua vida. No Canadá cada um vive no seu quadrado. Se você quiser colocar a calcinha, ou a cueca,  na cabeça e sair na rua –  vá em frente e seja você.

É proibido beber em público, mas isso não torna os canadenses radicais  contra o consumo etílico, pelo contrário. O povo local adora festas, música – ao vivo de preferência – e uma cerveja bem gelada. Se falar sobre hóquei eles enlouquecem. O esporte é paixão nacional e quanto mais tenso melhor o jogo.  O Canadá não é o país vizinho e os canadenses não gostam de ser comparados como tal. Morando aqui você percebe que a diferença existe e é grande.

O inverno é longo, duro e frio de doer o ossos. Mas você quando você aprende a se vestir adequadamente as coisas melhoram muito.  Os canadenses aceitam e tiram de cada estação o que de melhor há. Enquanto no inverno malham ou hibernam como os ursos, no verão surpreendem e perdem a linha. Até os mais quietos se revelam entre julho e agosto, época em que ocorrem as temperaturas mais altas. A expectativa de vida do canadense é de 80,9 anos e o país tem um dos mais elevados padrões de vida do mundo.

O casamento entre pessoas do mesmo sexo é permitido há nove anos e o Canadense tem uma cabeça bem aberta em relação a isso. É um país com alta taxação,  mas você sabe muito bem onde seu dinheiro está sendo empregado. Não há “jeitinho”, tudo se resolve dentro dos padrões estabelecidos e ninguém fura fila. Para quem vem do Brasil, viver no Canadá pode ser uma experiência incrível ou um pesadelo. Lidar com o frio não é fácil, mas conviver numa sociedade tão igualitária e justa nos faz pensar sobre um mundo melhor.

Fonte Wikpédia
Fonte Wikpédia